segunda-feira, janeiro 16, 2006

The meeting of 2 personalities is like the contact of 2 chemical substances:
If there is reaction both are transformed...

domingo, dezembro 25, 2005

Se queres resultados, não procures desculpas. Encontra soluções!

terça-feira, dezembro 20, 2005

A maior virtude é a coragem, porque ela faz com que todas as demais coisas se tornem possíveis.

segunda-feira, dezembro 05, 2005

You see things and you say "Why". But i dream things that never were and I ask "Why not"?

domingo, novembro 20, 2005


Para ter mais amanhã, precisas ser mais do que és hoje.

sexta-feira, novembro 18, 2005

O diamante não pode ser polido sem fricção, nem o homem pode ser aperfeiçoado sem desafios.

quinta-feira, novembro 10, 2005

Um dia, a rosa encontrou a couve-flor e disse:
- Que petulância te chamarem de Flor!
- Ve a tua pele áspera e a minha lisa e sedosa... O teu cheiro desagradável e meu perfume sensual e envolvente. Ve o teu corpo grosseiro e o meu delicado e elegante... Eu, sim, sou uma flor!
E a couve-flor respondeu:
- Helloooo! Querida, de que adianta seres tão linda se ninguém te come?!
E você aprende que realmente pode suportar... Que realmente é forte e que
pode ir muito mais longe depois de pensar que mais nada pode.

segunda-feira, outubro 31, 2005

Success it´s a game - The more times you play the more times you win and the more times you win the more successfully you wil play.

terça-feira, outubro 25, 2005

Existem derrotas. E ninguém escapa delas. Por isso, é melhor perder alguns combates na luta pelos sonhos, do que ser derrotado sem sequer saber pelo que se luta.

quarta-feira, outubro 19, 2005

Reflex I

Somos livres para escolher mas prisioneiros das consequencias.

domingo, outubro 16, 2005

M. L. King

I have a dream...

domingo, outubro 09, 2005

O sapo e a panela

Um cientista decidiu fazer uma experiência sobre a capacidade térmica dos sapos.

Pegou em duas panelas, uma com água a ferver e outra com água fria. Colocou as duas no fogo e um sapo em cada uma.

Na primeira, com água a ferver, o sapo saltou desesperadamente para fora da panela, numa resposta imediata ao seu sistema de defesa.

Na segunda, o sapo continuou dentro da panela. Sem se dar conta de que a água estava a aquecer gradativamente, nem se mexeu. Não sentindo as mudanças à sua volta o seu organismo não respondeu às mudanças lentas de temperatura e acabou morrendo cozido.


Às vezes dá-se o mesmo comnosco! Conforma-mo-nos com a nossa zona de conforto e deixamos de tomar qualquer atitude até que somos pegos de surpresa e... Acabamos por morrer cozidos!

sexta-feira, outubro 07, 2005

H. Ford

São mais aqueles que desistem do que aqueles que fracassam.

quinta-feira, setembro 29, 2005

Alice

`Would you tell me, please, which way I ought to go
from here?´ Alice speaks to Cheshire Cat
`That depends a good deal on where you want to get to.´ said the Cat.
`I don´t much care where -´ said Alice.
`Then it doesn´t matter which way you go!´ said the Cat.

Decision.

It´s in your moments of decision that your destiny is shaped.

domingo, setembro 25, 2005

Reflex

Não queiras ser menos do que aquilo que és capaz!

sábado, setembro 17, 2005

Para Refletir

È tão fácil dizer não consigo...

sábado, agosto 27, 2005

Os obstcls

Os obstáculos são aquelas coisas que vemos quando tiramos os olhos do objectivo.

quarta-feira, agosto 24, 2005

Perfume de Mulher

No filme "Perfume de Mulher", há uma cena inesquecível, em que um personagem cego, vivido por Al Pacino, tira uma moça para dançar e ela responde:

"Não posso, porque o meu noivo vai chegar em poucos minutos...


R
esponde ele:
"Mas num momento se vive uma vida..." Conduzindo-a num passo de tango.


Precisamos saber aproveitar cada momento, porque, como disse John Lennon...
"A vida é aquilo que acontece enquanto fazemos planos para o futuro"

segunda-feira, agosto 22, 2005

O poder da nossa mente

A mente humana grava e exexuta tudo que lhe é enviado, seja através de palavras, pensamentos ou actos, seus ou de terceiros, positivos ou negativos. Basta que os aceite.

Um cientista de Phoenix - Arizona - queria provar essa teoria. Precisava de um voluntário que chegasse às últimas consequências. Conseguiu um condenado à morte que seria executado na penitenciária de St. Louis no estado de Missouri onde existe pena de morte. Propôs o seguinte: Participar numa experiência científica, na qual seria feito um pequeno corte no seu pulso, o suficiente para gotejar o seu sangue até a ultima gota.

Ele teria uma hipótese de sobreviver, caso o sangue coagulasse. Se isso acontecesse, ele seria libertado, caso contrário, ele iria falecer pela perda do sangue numa morte sem sofrimento nem dor. O condenado aceitou, pois era preferível do que morrer na cadeira eléctrica e ainda teria uma hipótese de sobreviver.

O condenado foi colocado numa cama alta de hospital e amarram o seu corpo para que não se movesse e fizeram um pequeno corte no seu pulso. Abaixo do pulso, foi colocado uma pequena vasilha de alumínio. Foi-lhe dito que ouviria o gotejar de seu sangue na vasilha.

O corte foi superficial não atingindo nenhuma artéria ou veia, mas foi o suficiente para ele sentisse o corte. Sem que ele soubesse, debaixo da cama tinha um frasco de soro com uma pequena válvula. Ao cortarem o pulso, abriram a válvula do frasco para que ele acreditasse que era o sangue dele que está caindo na vasilha de alumínio.

Na verdade, era o soro do frasco que gotejava. De 10 em 10 minutos, o cientista, sem que o condenado visse, fechava um pouco a válvula do frasco e o condenado pensava que era seu sangue que estava diminuindo. Com o passar do tempo, foi perdendo a cor e ficando fraco. Quando os cientistas fecharam por completo a válvula, o condenado teve uma parada cardíaca e faleceu, sem ter perdido sequer uma gota de sangue.

O cientista conseguiu então provar que a mente humana cumpre sempre, tudo que lhe é enviado e aceito pelo seu hospedeiro, seja positivo ou negativo e que a morte tanto pode ser orgânica como psíquica.

"Quem pensa em fracassar, já fracassou mesmo antes de tentar"

In Super Interessante - Julho 2002

sexta-feira, julho 29, 2005

Ícaro

Por ter ajudado a filha de Minos a fugir com um amante, Dedalus provocou a ira do rei que, como punição, ordenou que Dedalus e seu filho Ícaro fossem jogados no Labirinto.

Dedalus sabia que a prisão era intransponível e que Minos controlava mar e terra, tornando-se impossível escapar.

Assim Dedalus projetou asas! Juntando penas de aves de vários tamanhos, amarrando-as com fios e fixando-as com cera para que não se descolassem.

Estando o trabalho pronto, o artista, agitando suas asas, viu-se suspenso no ar. Equipou o seu filho e ensinou-o a voar. Então, antes do vôo final, advertiu-o de que deveria voar a uma altura média, nem tão próximo do sol, para que o calor não derretesse a cera que colava as penas, nem tão perto do mar para que este não pudesse molhá-las.

Ícaro deslumbrado com a bela imagem do sol voou em sua direção, esquecendo-se das orientações de seu pai, talvez inebriado pela sensação de liberdade e poder. Então a cera de suas asas começou a derreter e logo Ícaro caiu no mar.

Quando Dedalus percebeu que seu filho não o acompanhava mais, gritou: "Ícaro, Ícaro, onde estás?".

quarta-feira, julho 27, 2005

Os Gansos

Quando se olha para o céu e se vê um grupo da gansos a voar em forma de “V”, julgamos que é bonito. Mas alguma vêz se questionou sobre o porque de eles voarem assim?

Facto 1
Á medida que o ganso bate as asas, ele cria um túnel de sustentação para a ave seguinte. Voando em formação “V” o grupo de gansos consegue voar pelo menos 71% mais, do que se voasse isoladamente.

Lição nº1
Pessoas que compartilham uma direcção e um objectivo comum assim como um sentido de cooperação em equipa chegam ao seu destino mais depressa e facilmente, porque se apoiam na confiança umas nas outras.

Facto 2
Sempre que um ganso sai da formação em “V”, ele repentinamente sente o arrasto de tentar voar sozinho, pelo que rapidamente retoma à formação para tirar vantagem do poder de sustentação que lhe é oferecido pela ave que voa à sua frente.

Lição nº2
Num grupo existe força, poder e segurança que nos são oferecidos pelos outros por irmos de encontro aos mesmos objectivos.

Facto 3
Quando o Ganso líder se cansa, ele reveza-sa indo para a traseira da formação enquanto outro ganso assume o vértice

Lição nº3
é importante que os membros de um grupo se revezem, principalmente quando se trata de trabalho árduo.

Facto 4
Os gansos que voam atrás grasnam para encorajar os do frente e manter o ritmo e a velocidade.

Lição nº4
Todos necessitamos de ser reforçados com apoio e encorajamento.

Facto 5
Quando um ganso adoece ou se fere e deixa o grupo, dois outros gansos saem da formação e seguem-no para o ajudar e proteger. Eles acompanham-no até à solução do problema e depois reiniciam a jornada a 3 ou juntam-se a outro formação de gansos, até encontrar a sua formação original.

Lição nº5
Precisamos ser mais solidários nas dificuldades.

Felizmente, existem mais gansos do que perus na vida...
Vamos procurar dar mais grasnados, encorajarmos e apoiarmo-nos uns aos outros.

domingo, julho 17, 2005

O poder do encorajamento - II

No livro Building Your Mate's Self–Esteem, Dennis Rainey conta a maravilhosa história sobre o cuidado e o encorajamento.

Ele conta que havia um garoto chamado Tommy que passou por um período de muitas dificuldades na escola. Fazia continuamente muitas perguntas e não conseguia se manter calado. Parecia que falhava cada vez que tentava fazer alguma coisa. A sua professora finalmente desistiu dele, e disse á sua mãe que ele não tinha condição de aprender e que nunca alcançaria muitas coisas.

Mas a mãe de Tommy era uma pessoa que cuidava de outras pessoas. Sabia encorajar. Ela acreditava nele. Ela passou a estudar com ele em casa, e a cada vez que ele falhava, ela lhe dava esperanças e encorajamento para continuar tentando. O que aconteceu com Tommy? Tornou-se um inventor com mais de 1.000 inventos patenteados, incluindo a primeira lâmpada eléctrica incandescente comercialmente viável. O nome dela era Thomas Edison...

Quando as pessoas são encorajadas, é impossível de prever o quão longe podem chegar. A falta de encorajamento pode impedir uma pessoa de viver uma vida saudável e produtiva, mas quando a pessoa se sente encorajada, ela pode enfrentar o impossível e superar adversidades incríveis. E a pessoa que fornece o presente do encorajamento faz diferença na sua vida.

sábado, julho 09, 2005

O poder do encorajamento - I

O escritor Mark Twain advertiu:
"Fique longe de pessoas que tentam diminuir as suas ambições."

As pessoas pequenas fazem sempre isso, mas as realmente grandes fazem com que sintas que te podes tornar grande. Como é que as pessoas se sentem quando estão perto de ti? Pequenas e insignificantes ou acreditam em si mesmas?

Uma experiência foi feita hà alguns anos para medir a capacidade de resistência das pessoas à dor. Psicólogos mediram quanto tempo uma pessoa poderia suportar ficar com os pés descalços dentro de um balde com gelo.... Descobriram que, para algumas pessoas, um factor tornava possível permanecerem com os pés no gelo duas vezes mais do que as outras. Podes imaginar que factor era este? Era o encorajamento!

Quando uma outra pessoa estava presente, dando suporte e encorajamento, as pessoas eram capazes de suportar a dor por muito mais tempo do que as que não contavam com este auxílio. Poucas coisas ajudam tanto uma pessoa quanto o encorajamento.

E William A. Ward revelou os seus sentimentos quando disse:
"Lisonjeie-me, e não acreditarei. Critique-me, e talvez não goste. Ignore-me, e talvez não o perdoe. Encoraje-me, e nunca o esquecerei".

terça-feira, junho 21, 2005

Simples!

E se tudo na vida fosse tão simples como a criação de um blogg... Ou será a vida no essencial ainda mais simples?!